Os hormônios da tireoide interagem com os hormônios reprodutivos, estrogênios e progesterona, para preservar a função normal dos ovários e a maturação dos óvulos (oócito).1 se sua glândula tireoide libera excesso (hipertireoidismo) ou escassez (hipotireoidismo) de hormônios tireoidianos, o equilíbrio dos hormônios reprodutivos pode estar prejudicado5 com problemas de fertilidade relacionados à tireoide como distúrbios de ovulação, períodos irregulares, e problemas para engravidar ou levar uma gestação a termo.8 Embora você possa ter períodos menstruais regulares, pode ser que você não esteja ovulando. Sabendo-se que a doença tireoidiana é um problema endócrino comum em mulheres férteis, a primeira coisa a fazer, ao ter problemas para engravidar é fazer um exame de tireoide, especialmente se houver histórico familiar de doença tireoidiana.

A tireoide hiperativa

Hipertireoidismo é dez vezes mais comum nas mulheres do que nos homens 9 e pode fazer com que elas tenham dificuldades para engravidar e de levar uma gravidez a termo. Se a glândula tireoide libera excesso de hormônios tireoidianos na corrente sanguínea, você tem hipertireoidismo. A causa mais comum de hipertireoidismo em mulheres jovens é a doença de Graves, um distúrbio autoimune que faz anticorpos, por engano, atacarem a glândula tireoide. Isso estimula a glândula a produzir mais hormônios.6 Se você perder peso sem motivo aparente, isso pode acabar com suas chances de engravidar.10

www.fertility.com

A tireoide hipoativa

Quando você tem histórico familiar de doença tireoidiana ou alguma doença autoimune você está sob maior risco de hipotireoidismo.11 Se sua glândula tireoide produz hormônios tireoidianos insuficientes, o TSH aumentará para estimular sua glândula tireoide a suprir a falta. TSH elevado foi observado em 4,6% dos casos de infertilidade feminina.12

Sintomas chaves do hipotireoidismo7

  • Fadiga
  • Confusão mental
  • Falta de concentração e memória
  • Ganho de peso/li>
  • Maior sensibilidade ao frio
  • Dor nas articulações e músculos
  • Pele e cabelo ressecados
  • Unhas quebradiças
  • Menstruação anormal

Se você tem hipotireoidismo você pode ter sangramentos menstruais infrequentes e leves, não ter ciclos menstruais ou ciclos irregulares devido a problemas com a ovulação. Essas irregularidades menstruais são cerca de três vezes mais comuns em mulheres com hipotireoidismo do que em mulheres com função tireoidiana normal.5 Com níveis baixos da função tireoidiana, níveis de prolactina, o hormônio que estimula a produção de leite nas mamas depois do parto, pode aumentar e inibir a ovulação.5 O hipotireoidismo também está associado com maior risco de doença do ovário policístico (PCOS), uma condição que causa cistos nos ovários e inibe a gravidez.13

  • 1– Poppe, K, Glinoer D, Tournaye H et al. Thyroid function and assisted reproduction. In: The Thyroid and Reproduction, METS Riga 2008. Georg Thieme Verlag
  • Stuttgart 2009; 33-38.
  • 2– American Thyroid Association. General Information (2012) http://www.thyroid.org/thyroid-eventseducation-media/about-hypothyroidism Accessed October 2012.
  • 3– Healy DL, Trounson AO, Andersen AN. Female infertility: causes and treatment. Lancet 1994; 343:1539–1544.
  • 4– Meikle AW. The interrelationship between thyroid dysfunction and hypogonadism in men and boys. Thyroid 2004; 14 (Suppl 1): S17-S25.
  • 5– Krassas GE, Poppe K, Glinoer D (2010) Thyroid function and human reproductive health. Endocr.Rev. 2010 31:702-755.
  • 6– The American Thyroid Association (2012) Hyperthyroidism http://www.thyroid.org/what-is-hyperthyroidism/Accessed October 2012.
  • 7– The American Thyroid Association (2012) Hypothyroidism Brochure. http://www.thyroid.org/whatis-hypothyroidism Accessed October 2012.
  • 8– Bercovici JP. Menstrual irregularities and thyroid diseases. Feuillets de biologie 2000; 74: 1063-1070.
  • 9– Vanderpump MPJ, Tunbridge WMG, French JM et al. The incidence of thyroid disorders in the community: A twenty-year follow-up of the Whickham Survey. Clin
  • Endocrinol 1995; 43: 55-69.
  • 10– Green BB, Weiss NS, Daling JR. Risk of ovulatory infertility in relation to body weight. Fertility and Sterility 1988; 50 (5): 721-726.
  • 11– The Hormone Foundation’s Patient Guide to the Management of Maternal Hypothyroidism Before, During, and After Pregnancy. De Groot LJ, Stagnaro-Green A,
  • Vigersky R, The Hormone Foundation 2007 http://www.hormone.org/Resources/Patient_Guides/upload/mgmt-maternal-hypothyroidism-070609-2.pdf.
  • Accessed October 2012.
  • 12– Grassi G, Balsamo A, Ansaldi C et al. Thyroid autoimmunity and infertility. Gynecol Endocrinol 2001; 15: 389–396.
  • 13– Beyond Infertility. Polycystic Ovary Syndrome (PCOS). U.S. DEPARTMENT OF HEALTH AND HUMAN SERVICES. National Institutes of Health; Eunice Kennedy
  • Shriver National Institute of Child Health and Human Development 2008 http://www.nichd.nih.gov/publications/pubs/upload/PCOS_booklet.pdf.
  • Accessed October 2012.
  • 14– De Groot L, Abalovich M, Alexander EK, Amino N, Barbour L et al. Management of Thyroid Dysfunction during Pregnancy and Postpartum: An Endocrine Society
  • Clinical Practice Guideline. J Clin Endocrinol Metab 2012; 97 (8): 2543-2565.